• Mimi Zanetti

Tributo: 81 anos da morte de H.P. Lovecraft




Há exatos 81 anos (e um dia) morria um dos mais influentes autores do século XX: Howard Phillips Lovecraft, pai do horror cósmico e da Weird Fiction. Em vida, suas obras obtiveram pouco sucesso comercial, morrendo na pobreza aos 46 anos em Providence, Rhode Island (E.U.A.), sua terra natal.


Por mais que suas criações não tenham alcançado êxito em vida, Lovecraft criou um grande círculo de amizades entre escritores, sendo mentor e servindo de influência para vários. Hoje em dia, sua escrita e seu panteão de deidades continuam a aparecer nas obras de diversos autores, também sendo inspiração para diferentes tipos de artistas. Lovecraft está presente nos livros, na música, no cinema e televisão, e nos vídeo games, entre outros.


Seus autores favoritos incluíam Edgar Allan Poe, Clark Ashton Smith e Ambrose Bierce. Foi amante das artes e da astronomia. Escreveu não somente ficção, como também era entendido em literatura, e produziu escritos científicos e filosóficos, além de vasta coleção de poesia.


H.P. Lovecraft pode não estar mais entre nós, mas seu legado será eterno, influenciando gerações e gerações de escritores, artistas e cultistas.


Este blog é uma singela homenagem à herança deste grande mestre. Que os Grandes Antigos estejam com você, Lovecraft! Obrigada por tudo.