• Cultista

Dez Portas Pigmentadas com Sangue - Charlitto Ogami (organizador)

Dez Portas Pigmentadas com Sangue é uma coletânea organizada pelo escritor Charlitto Ogami, e conta com a participação de 10 autores brasileiros, sendo eles 5 homens e 5 mulheres. A obra foi lançada em 2020 e é a segunda antologia produzida nesse molde, sendo a primeira publicada em 2019 com o título Dez Degraus de Desordem Natural.



Os contos se unem por um tema em comum: o terror em todas as suas formas. Há o terror sobrenatural, o psicológico, o body horror e até mesmo a weird fiction. Eis aqui os meus favoritos:


  • O Receptáculo Insepulto - Larissa Prado: a premiada autora traz um conto sobrenatural cujo protagonista está à beira da morte, e antes que chegue seu derradeiro momento, tem como objetivo de concluir sua pesquisa. Uma obra sobre a morte com um tom melancólico.

  • Ouroboros - Diego Mendonça: o ano é 2050, e uma pandemia mortal assola o mundo. A pessoa acometida pela doença é levada aos extremos em relação ao seu próprio corpo. Não sou de me impressionar facilmente, mas admito ter fico aflita com a descrição gráfica de algumas cenas. Vale lembrar que Diego é semi finalista do prêmio ABERST de 2020 por O Dia de Saturno.

  • Memórias Amargas - Charlitto Ogami: Tatiana é a típica garota desengonçada que consegue um relacionamento com o cara mais popular da escola, mas o que antes parecia um conto de fadas se transforma em um verdadeiro pesadelo, com a protagonista sendo levada à cárcere privado por seu antigo amado. O desfecho pode ser muito mais sangrento do que podemos imaginar.

  • Atrás da Porta Branca - Úrsula Antunes: a preparadora de textos da Diário Macabro (que também trabalhou em Wieland) mostra aqui seu talento como escritora e entrega uma obra cheia de tensão sobre um assassinato. A narrativa evidencia todo peso da culpa, sendo contada por diferentes pontos de vistas.

  • Septimus expergiscitur - Fábio Aresi: o auge desta coletânea é este conto que traz elementos bem conhecidos dos fãs de weird fiction. Arthur é um garotinho que está visitando sua avó em uma cidade distante, completamente alheio a um misterioso culto que busca despertar um antigo deus. Imperdível!

  • O Circo Silencioso - Babi Lacerda: e fechando a antologia com chave de ouro, temos esse maravilhoso conto que se passa em uma cidadezinha chamada Arabi. No passado, um circo chegou à cidade e deixou marcas profundas nos habitantes locais devido a um terrível assassinato. Doze anos depois, um novo circo aparece em meio à comunidade e um novo horror tem início.


Dez Portas Pigmentadas com Sangue é uma leitura rápida (a maioria dos contos é bem breve) e vai agradar a diversos gostos, especialmente aqueles sedentos por sangue. A antologia está disponível na Amazon Brasil, e está inclusa na assinatura do Kindle Unlimited (se não é assinante, teste grátis por 30 dias).