• Cultista

Noite à Deriva - Amanda Reznor (resenha)

Quando fui convidada pelo site Biblioteca do Terror para participar do projeto de leitura Rainhas do Grito, prontamente percebi que não conhecia nenhuma autora brasileira de terror. A primeira obra escolhida por mim foi Noite à Deriva, de Amanda Reznor, um livro encantador que reúne 7 contos e 6 poemas, e posso dizer que este foi uma das mais gratas surpresas de 2018 para mim.



O primeiro conto é A Lenda de Kauane, um mito indígena sobre uma garota e seu passado marcado pela violência em busca da vingança. Em seguida temos O Mal Invisível, um suspense com sutileza marcante, tratando primeiro amor e o terror velado de forma delicada e surpreendente. O terceiro conto é A Dama dos Corvos, com características steampunk que remetem a Edgar Allan Poe e H.G. Wells, este último mais especificamente em A Máquina do Tempo.


Um retorno ao Brasil colonial com marcas da Inquisição em território nacional é o cenário de Tributo a El-Rei, assinalado com toques de bruxaria. Em O Inferno de Barba Negra, temos a aventura post mortem de piratas, um conto com traços de humor.


Já no penúltimo conto, Revelações de Páscoa, vamos de Portugal ao interior de Minas Gerais no Brasil. Fortemente marcado pelo regionalismo, a narrativa traz o vampirismo visto através de uma perspectiva provinciana. Por fim, somos transportados ao inverno rigoroso da China em O Último Pêssego do Fan-Tao, e uma lenda que traz infortúnios a quem ferir uma raposa.


Em um livro com sete contos tão distintos entre si, percebe-se que a autora não possui somente um único estilo próprio, mas que sua forma de escrever se adequa conforme a narrativa que apresenta. Cada conto é precedido por uma obra de arte de artistas como Gustave Doré e Francisco de Goya.


O projeto de leitura #RainhasdoGrito é inicialmente apenas para o mês de outubro, porém com tantas autoras brasileiras a serem descobertas, o blog continuará publicando resenhas com a mesma tag por tempo indefinido. Acompanhe também as categoria Made In Brazil para autores e autoras nacionais, e Mulheres na Literatura para obras escritas por mulheres do mundo inteiro.


Site oficial da autora

Formato: eBook Kindle Editora: Lua Nova

Edição: 1 (15 de maio de 2017) Idioma: Português



2 comentários